Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Errante

"Por mais soberana que a a minha mente se torne, o meu coração será para sempre vagabundo"

31
Jul11

Fotografias

anpatriciaa

  Algumas vezes, quando estou, digamos, sem fazer algo propriamente dito, quando permaneço imóvel a olhar para o meu rodeia e perdida nos meus pensamentos, imagino fotografias que ficariam bonitas. Dito isto, não sei quantas fotografias já tirei com os meus olhos... Decidi por, de vez em quando, aqui no blog, alguns momentos que captei com a máquina fotográfica. :)

 

1.  Janelas da porta e vista da minha nova casa.

 

 2. Dois vasos do quintal, na janela da cozinha.

 

3. Bem, não há grande coisa a explicar acerca desta, muro, rede e arame farpado que separam a minha casa da do lado, e o céu azul, que eu não me canso de fotografar.

 

 4. O telhado, roupa estendida e a mushi (fotografia tirada no parapeito do quarto dos meus pais).

  

5. pormenor do meu quarto antigo (citação de Fernanda de Castro, uma das minhas poetisas favoritas)

 

 

 7. Terminarei com uma fotografia minha, com um  fundo explêndido:a mansão que é a casa à direita da minha!

 

ps: as pontas do meu cabelo não estão tão mal cuidadas como aparentam nesta última fotografia!

29
Jul11

boa sorte

anpatriciaa

 E quando, devido ao inevitável destino se separaram, ele olhou-a nos olhos e com uma voz, embora rouca, tenra e verdadeira disse, "Boa Sorte".

 Aquelas foram as palavras com mais significado que alguma vez poderiam, naquele momento, ser pronunciadas.

Não se pode evitar que o amor seja finito, que um belo momento nem sempre conduza a uma existência preenchida, mas podemos, fechados os olhos, lembrar-nos das pessoas mais especiais que pela nossa vida passaram, pessoas que, por algum motivo, já não estão incluídas no nosso dia-a-dia, pessoas das quais talvez nem informação tenhamos, que até mortas poderiam estar que nós na ignorância permaneceríamos.

 O mundo lá fora é uma aventura... Boa sorte.

 

 (escrito em Novembro de 2009)

 

 

(fonte: Slow motion suicide, Tumblr)

29
Jul11

pensamentos parisienses

anpatriciaa

[escrito em Junho de 2010]

 

 Estar aqui dá-me vontade de fazer jogging pela manhã só para depois ir a um belo café beber algo e comer um bolo delicioso com um homem alto e bonito, andar de bicicleta pela cidade e comprar um macacão e saltos altos.

 Viver aqui seria, sem dúvida, um sonho. J'adore Paris!

 

29
Jul11

funny stuff

anpatriciaa

 Vou mudar de casa, hoje passei o dia a virar o meu quarto do avesso, o que é sempre interessante, já que me deparo sempre com objectos, papeis e outros afins dos quais não me lembrava. Comecei por organizar os livros e cadernos escolares, separei os de Química e os de Biologia dos outros, pois considero que estes sejam úteis para a Universidade e mandei fora alguns, como os de Matemática, que são basicamente um conjunto monstruoso de folhas (este ano tive uns 5/6 cadernos de Matemática) repleto de exercícios, esquemas e figuras geométricas, com alguns desenhos e textos de outras disciplinas à mistura. Bem, nos meus cadernos estão também sempre presentes alguns textos, frases e conversas com colegas, já que me é impossível permanecer concentrada por muito tempo. Colocarei aqui alguns dos meus devaneios para ver se deito os cadernos que os contém fora, outros, como desenhos ou coisas mais pessoais guardarei.

 

 

-Cronologia de uma vida

 

2006-2007; 7º ano

2007-2008; Inglaterra

2008-2009; 10º ano

2009-2010; 11º ano

2010-2011; 12º ano

2011-(...)  ; por definir

 

-Os homens morrem, as ideias ficam.

 

-Eu não vejo o buraco, vejo o donut. (esta roubei de um rapaz chamado Tiago, e este ouviu-a de uma professora de Artes Visuais, acho.)

 

- A análise tira a beleza aos poemas.

 

- E se a arte é a expressão, pelo artista, de sentimentos fingidos, quem somos nós para fazer a nossa análise? Quem somos nós para traduzir em palavras, esses falsos sentimentos, melhor que o génio da arte criador?

 

- Todos os dias são uma sexta-feira triste. Há promessas de um fim de semana próximo, de amor e felicidade, mas de onde nunca nada vem.(inspirado num poema de Sophia de Mello Breumer Andersen, Mais do que tudo, odeio.

 

-Sometimes being lost is the only way to get discovered.

 

- X:Estás mesmo seca hoje, Vai beber água.

  Y:'Epá, se o critério é esse vai lá tomar banho -.-

 

-Everything don't change much... (esta ouvi num bom filme que vi, mas cujo nome não me recordo)

 

-  Conversas como "Não te cheira a Inverno?" e "Já viste tão fixe que o céu está hoje?" fazem-me feliz.

 

- O azoto tem pipi (esta tem direitos de autora, a minha professora de química, ao explicar-nos que a molécula N2 tem uma ligação sigma e duas ligações π (pi).

 

- Como saber que lá no fundo ainda é uma criança: Se tem uma vontade de apanhar bruxinhas sempre que as vê passar para pedir um desejo.

  Como saber se joga demasiados jogos no facebook: Se cada vez que vê uma verdadeira quinta/horta se lembra do farmville/frontierville.

 

- E o meu amor é oculto como o medo.

 

27
Jul11

lonely day

anpatriciaa

 Porque há dias em que tudo parece errado, durante os quais não consigo deixar de me sentir absolutamente sozinha e insignificante e que quaisquer esperanças de felicidade pura serão mentira.

Às vezes tenho a impressão que nunca serei feliz, nunca atingirei os objectivos com os quais toda a minha vida tenho sonhado. Quando parece que estou perto de alcançar o que quero, algo sempre acontece (ou simplesmente não acontece) e permaneço sempre no mesmo degrau desta maldita escada (a melancolia dá-me para metáforas e outras figuras de estilo irritantes e pirosas).

O pior (ou mau simplesmente), é que à vista dos outros a minha vida até é boa, e quando oiço alguém apreciar o que alcancei, a dizer que tenho sorte ou uma vida divertida, não consigo deixar de sentir o coração apertado e abanar suavemente a cabeça. Nada disso, digo-vos já... Oh, se eles soubessem o quão vazia a minha vida realmente é, e que o que eu realmente desejo... Não me pertence.

 

 

"Due to lack of interest, today was canceled."

24
Jul11

porque às vezes estas coisas até batem certo...

anpatriciaa

 Estava na internet quando devia estar a estudar para o exame importantíssimo de amanhã, do qual, sem tentar ser demasiado dramática, depende a minha vida (bem não tanto, mas tem, sem dúvida, um peso decisivo na minha entrada na universidade) quando decidi clicar no botãozinho do horóscopo e aparece-me isto:

 

Epá, não podia estar mais adequado à situação... Enfim, vou ver se sigo o conselho, adeus!

20
Jul11

Para Gregor Mendel,

anpatriciaa

 Parabéns, "Pai da Genética", já que o conhecimento que a humanidade tem da transmissão das características hereditárias começou contigo e com as tuas conhecidas experiências com ervilheiras. Pode-se, então, dizer que é graças a ti que podemos saber, por exemplo, a probabilidade de "pelo menos um dos  três filhos do João e da Maria ter olhos azuis, sabendo que João tem olhos azuis e Maria castanhos, que o pai de João os tem azuis, a mãe castanhos, ambos os pais de Maria castanhos e o irmão desta azuis".

 

 

(Gregor Mendel)

Breve aula de Biologia:

 

- A Genética é o ramo da ciência que se dedica ao estudo da hereditariedade, isto é, da transmissão de características de uma geração para as seguintes.

- Mendel estudou a transmissão das características hereditárias em ervilheiras (Pisum savatium), escolheu estas plantas porque reúnem um conjunto de características que se adequavam ao trabalho que ele pretendia desenvolver (apresentam um conjunto de características bem diferenciadas e constantes, cultivam-se facilmente e tanto a auto polinização como a polinização cruzada são possíveis).

-Mendel desenvolveu duas leis : A 1ª é a Lei da Segregação Factorial, que afirma que quando um organismo produz gâmetas, os alelos são separados de tal forma que cada gâmeta recebe apenas um dos elementos de cada par de alelos, a 2ª é a Lei da Segregação Independente, afirmando que durante a formação dos gâmetas, genes de diferentes alelos são separados de forma independente dos alelos de outro gene.

- Por fim (e muito interessante, na minha opinião!) sabe-se que Mendel enviou uma carta a Darwin, contendo os resultados das suas experiências. No entanto, este terá ignorado as informações de Mendel. O mais irónico/engraçado é que a teoria da evolução de Darwin, "Teoria Darwinista" não está totalmente correcta já que este não consegui esclarecer quais os mecanismos responsáveis pelas variações verificadas nas espécies, nem o modo como essas variações se transmitem de geração em geração.

 Uma importante lição a reter: por mais conhecimento e influência que tenhamos, a humildade é sempre uma característica vantajosa, é sempre bom termos consciência de que não somos possuidores de todos os conhecimentos e que haverá sempre algo a aprender com os outros. Em 1942 apareceu uma nova teoria denominada Teoria sintética da evolução, também chamada Neodarwinismo que unifica os conhecimentos do Darwinismo e genética. 

 

Fonte de Imagem:http://www.shockya.com/news/2011/07/19/happy-birthday-gregor-mendel-from-google-doodle/

19
Jul11

These I have loved

anpatriciaa
 
Decidi apresentar-vos as minhas obras favoritas, três filmes e um livro, que de de alguma forma me tocaram.
Aprecio muito o trabalho de Tim Burton,  que desperta em mim um interesse  místico e gótico, no entanto, entre as suas obras prefiro "A noiva cadáver" e "The Nightmare Before Christmas", cujos vídeos coloquei em baixo, e destaco, já agora, que a voz do Vicent, da "Noiva Cadáver" é a do  Johnny Depp!
  O filme, Leon- The Professional,  é de um estilo totalmente diferente; conta a história de uma rapariga de 12 anos, que apenas sobrevive devido à ajuda de um assassino profissional, Leon, que acaba por cumprir os desejos de Mathilda, ao matar os responsáveis pelo assassinato do seu irmão. Adorei toda a essência do filme, e saliento que nem sequer costumo gostar de filmes de acção, mas ver o Jean Reno com óculos pequenos e redondos, gabardine comprida e armado, acompanhado pela Natalie Portman cheia de estilo, com óculos a combinar é sempre "fixe"!  
 Quanto aos livros, gostava de poder fazer referência a uma obra literária grande e complicada, que apenas intelectuais possam apreciar, mas a verdade é que mantenho como livro favorito "As aventuras de Huckleberry Finn" escrito por Mark Twain (heterónimo de Samuel Langhorne Clemens). "Conheci" o Huck quando tinha 12 anos, e durante os 5 anos que já passaram, já folheei por completo as 400 páginas do seu livro mais de 7 vezes. Penso que o livro mais conhecido de Mark Twain é "As aventuras de Tom Sawyer", no entanto, embora tenha gostado de ler o livro de Tom, continuo a preferir  mil vezes o seu melhor amigo, menos famoso, Huck (adoro rebeldes do século XIX!).
 
 
 1. The Corpse Bride (Tim Burton)
2. The Nightmare before Christmas
3. Leon - The Professional
4. As aventuras de Huckleberry Finn
 
 
Ps: Pensei em não colocar nenhum vídeo ou imagem referente ao Huck Finn, já que devido ao facto de este ser uma personagem literária, não tem imagem definida, o seu aspecto deverá ser criado/imaginado de forma diferente por cada leitor. É por esta razão que por vezes não gosto de ver representações de livros que já tenha lido, já que muitas vezes, além de a história aparecer alterada, os actores não correspondem de todo às personagens por nós idealizadas (isto é de elevada importância especialmente para os que se "apaixonam" por personagens!).
No entanto, no filme "Tom and Huck"(ano de 2001), o actor escolhido para o papel de Huckleberry encaixa perfeitamente com o Huck que existe na minha mente, pelo que partilharei algumas fotografias do actor (a última é do filme)! No entanto, no livro de Mark Twain,  Huck terá aproximadamente a mesma idade que Tom, " uns treze anos, catorze anos...", enquanto que no filme, Huck é claramente mais velho...
 

 

" I love Huck Finn so much
I don’t care that he’s not real, or that he was just a kid. "

 

As minhas sinceras desculpas por ter exagerado nas fotos do Brad Renfro (Huckleberry Finn), mas não resisti...

 

fontes:

fuckyeahbradrenfro.tumblr.com/

www.youtube.com

 

03
Jul11

As lovely as it gets...

anpatriciaa
Não me canso de ver "Yamato Nadeshiko Shichi Henge". É muito divertido (inicialmente foi um anime) e acho que a mensagem é linda: "I love this clumsy you that you hate". Claro que tenho plena consciencia de tão fantasiado que é, mas afinal, se até as nossas inspirações fossem realistas, a vida seria um tanto aborrecida...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D