Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Errante

"Por mais soberana que a a minha mente se torne, o meu coração será para sempre vagabundo"

01
Mai19

12/01

anpatriciaa

Volta e meia vamos aos fados, adoro!

 

"De cantigas e saudades
Vive esta linda Lisboa!
Faz loucuras e maldades,
Mas, no fundo, pura e boa
Nas suas leviandades!"

 

[Fado das Tamanquinhas - Amália Rodrigues]

 

 

10
Jan16

Música

anpatriciaa

 Há coisas na vida que sabemos em poucos segundos, ligações que sentimos sem entender porquê. Quando de repente começa uma música e à primeira frase estou enfeitiçada e sou conduzida numa viagem abstrata, como se a música fala-se diretamente com a minha alma. Mas a verdade é que pensando no assunto não é nada de mágico, as músicas são uma forma de comunicação, e quando uma música me causa este sentimento estranho, é porque o artista cumpriu o seu papel, transmitir sensações. E agora que penso no assunto dei isto a Português algures no secundário, o artista tinha um sentimento, fazia a obra, e o leitor ao experienciar a mesma tinha também um sentimento, mas diferente do do artista. É como um telefone avariado, mas mais bonito.

Um exemplo: - Dance With Me da Nouvelle Vague e Dance me to the end of love do Leonard Cohen (que engraçado, parece que gosto de danças!)

07
Nov13

"Apesar de ser apenas mais um dia normal (...)"

anpatriciaa

"(...) E não ter acontecido nada de especial,

Hoje sinto a boa vibe e nada me corre mal

Ainda bem que há dias assim."  - Boss ac

 

 Citando o Ac, hoje foi, de facto, "apenas mais um dia normal", fiquei na biblioteca até às 15h40, hora a que fui alugar uma bata porque me esqueci da minha na residência e não quis fazer má figura, e fui para a única aula prática do dia, Microbiologia. A primeira coisa que fizemos, como sempre, foi o teste semanal, que podia ter-me corrido melhor, já que me deu uma branca na pergunta que creio valer mais, mas sem stress, que não há-de ser nada... De seguida o prof. disse as notas do teste anterior. O meu nome é o antepenúltimo na lista, pelo que o suspanse quase que matou, até que ele diz "Ana Palmeiro... 19". Fiquei num extâse interior, sei que a minha nota pouco significa, nem para o meu conhecimento, porque não entendo assim tanto de microbiologia, nem no papel, já que constitui menos de 1/14 de 12% (ou seja menos de 0,86%) da nota final do tronco comum IIa). (damn, que negativismo, não devia ter feito estas contas xD).

 Depois de uma aula em si agradável (descobri que gosto de estar num laboratório de microbiologia) e de ter falado com algumas pessoas, chego ao refeitório e a comida é deliciosa (ver foto abaixo, sim, eu sou daquelas pessoas tristes que tiram fotos à comida, muito hipster...).

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D